terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Acreditar

Aonde foi parar a crença das pessoas?
Aonde foi parar a crença no amor?
Por que a paixão é tratada como tolice?
Por que as pessoas tem tanto medo de se machucar?
De ver os outros se machucando?

Uma vez ainda pequena ouvi alguém - que não me lembro quem - dizer que a vida não era feliz. Achei triste ouvir isso. Mas me explicaram que a vida é feita de vai e vem, de momentos bons e ruins, altos e baixos, e será sempre assim. As dificuldades precisam aparecer para nos tornar mais fortes. Precisamos sentir tristeza para nos sentirmos ainda mais felizes no outro momento. O medo de se machucar não pode ser maior que a vontade de pular, de se jogar, de amar. Machucados, cicatrizam e é preciso saber disso. Precisamos aceitar mais os desafios que nos são colocados, sem medo. Afinal, se não tivéssemos força para supera-los, o cara lá de cima não teria enviado pra gente. Precisamos ter fé que as coisas irão se resolver, que o universo conspira a nosso favor. O mundo precisa de pessoas mais otimistas.

Você acredita?

3 comentários:

Rodrigo disse...

o que vc acha xuxu? rs
Eu acredito no amor. E em mim. E em vc! Que somos pessoas felizes passando (vez por outra) por momentos tristes. Certo?
Te amo

Fábio de Medeiros disse...

Eu acredito! Defendo a crença incondicional no amor. "Ia ser lindo se a galera toda amasse assim" como nós amamos, um amor de verdade. A vida é muito melhor quando se está amnado, o pessoal só precisa querer viver isso, acreditar nisso.

Luka disse...

olha só... quanto tempo que esse blog não recebe DOIS comentários. hahahaha
:)