domingo, 10 de maio de 2009

Apaixonar, ou não apaixonar? Eis a questão.

O apaixonado é aquele ser que deseja intensamente algo ou alguém. O apaixonado é aquele que sofre inevitavelmente. Em todas as histórias de paixões podemos ver isso: o amor proibido, o amor não correspondido, a ausência, e tantos outros “maus de amor”.
Sendo assim, todo apaixonado um sofredor por natureza.
é?

Será possível alguém sentir falta de sofrer? E de amar?

Semana passada uma amiga declarou: estou completamente apaixonada, como nunca estive antes – com um sorriso de orelha a orelha.
Ok, ela fala isso sempre que se apaixona. Mas foi me contando da semana anterior que fora passada nos braços do amado, como se tudo aquilo fosse uma grande novidade. Contando dos planos de se casar - com alguém que se relaciona a uma semana! Não sabia o que dizer a aquela amiga.
Parte de mim sorria por ela, outra parte pensava – menina louca! - e a outra pasmamente... a invejava.
Ela me contou que desde um certo ex-namorado, havia se relacionado com alguns caras.. teve alguns namoros legais, mas todos muito racionais. Pela primeira vez, desde então, ela estava sem rumo, se entregando de verdade, loucamente.
Será que vai ser assim com essa aqui que vos fala?
Bom, melhor não, me amedronta a idéia de perder o rumo, o prumo, o sumo.
Mas lá no fundo.. lá no fundo mesmo sinto falta desse sentimento que invade, carregando tudo, que não te deixa pensar em mais nada, só restando aquela saudadezinha, aquela vontade de estar 24h com a pessoa amada..
Meio masoquista, mas as vezes me falta um sofrimentozinho pelos outros.
É deve ser isso... deve ser casaço de prestar atenção em mim, sofrer pro mim. Até pq, sofrer pelos outros é dolorido, mas dói bem menos do que quando é tudo pessoal e intransferivél...

2 comentários:

Prometeu Acorrentado disse...

Acabei de te escrever. Falei um pouco sobre isso, bem por alto, sobre não querer assumir que a paixão faz falta, que muda a vida da gente. Mas achei esse texto muuuito confuso... Vc entendeu tudo que vc escreveu$

(hauhauhauhauhau, o que faz esse sifrão aí$ hein$$$)

Beijos, querida

Luka disse...

Já dei uma melhorada xuxu...

não tinha relido.
Textos dificeis de escrever eu não releio.. ai fica assim... a zona da cabeça transferida para o papel. quer dizer, pra tela.